quinta-feira, janeiro 02, 2014

DAR




Pergunto-me muitas vezes: o que posso fazer pelo mundo? Não sei.

Nem sei se as pequenas coisas ajudam a coisa no todo. Faço-me entender? É fácil constatar que a terra que nos dá lar não anda bem. Todos os dias, no meu dia-a-dia, encontro situações tão desesperantes, tão delicadas, tristes e que me apertam por dentro. E não consigo fazer nada. Ou por vezes até consigo, mas uns tempos depois constato que não resolveu. É uma espécie de incapacidade. Incapacidade de fazer alguma coisa realmente significativa, e que possa mudar. Conheço tanta gente inspiradora. Gente que se dá pelos outros, e muda, muda a vida de quem está mal. Isto é maravilhoso. Intenso. Desafiante. É mais que voluntariado, mais que um donativo, mais que dar a mão. Trata-se de dar o tempo, a vida, a voz, o pensamento, as ideias, os objectivos, o dinheiro, as rotinas. DAR. Sim, eu conheço gente assim, e que se recusa à entrevista e à fotografia. 

E sinto-me pequeno. Muito pequeno. Sem resposta para a pergunta de início. É tudo maior que eu.

Até amanhã
Hélder

8 comentários:

Ric Filipe disse...

Um pequeno gesto pode não mudar o MUNDO mas mudará certamente o mundo de alguem :)

Sónia Aguiar disse...

Simplesmente DAR. Sábias palavras, sinceras e sentidas. DAR é mesmo isso! Sorrir, amar, entregar-se de corpo e alma ao outro, a algo.E vivemos num mundo tão amargurado e tão sofrido, num mundo tão egoísta e consumista que simples gestos ou palavras são confundidos ou esquecidos... mas é tão fácil DAR. Esperemos que todos nós possamos DAR algo com o coração e tentar fazer algo para mudar a esperança no amanhã. Cumprimentos

disse...

Na minha humilde opinião, o fato de olharmos "o outro", já é por si só uma generosidade que faz de nós (quem dá e quem recebe)a grandeza de se Ser, e esse sentimento sem duvida, por mesmo pequeno que seja, acalenta os corações mais desesperados.

Parabéns pela sua humildade.

Beijinhos e votos de bom ano.

Daniela disse...

Simplesmente fazer tudo com amor e simplicidade . Eu peço a Deus de me dar força para continuar a ajudar apesar das minhas proprias difficuldades......como fazia antes quando na minha vida éra um conto de fada! (:-0) entrevista tambem não quero.....hà mais valor se for esses gestos feitos mas não na Luz.......è um dever civico. Bjhos ao Helder e mãe <3

EDUARDO VIEGAS disse...

" Ninguém é tão pobre que nada possa dar e ninguém é tão rico que não precise receber..",estas sábias palavras me seguem a muito tempo amigo e é pura verdade pois nem que seja uma oração feita com sentimento todos nós podemos fazer e posso te garantir amigo que faz efeito,pode não ter efeitos materiais mais ela fortalece a alma e nos ajuda a passarmos pelas provações da vida.

EDUARDO VIEGAS disse...

" Ninguém é tão pobre que nada possa dar e ninguém é tão rico que não precise receber..",estas sábias palavras me seguem a muito tempo amigo e é pura verdade pois nem que seja uma oração feita com sentimento todos nós podemos fazer e posso te garantir amigo que faz efeito,pode não ter efeitos materiais mais ela fortalece a alma e nos ajuda a passarmos pelas provações da vida.

Denise disse...

Meu querido Helder,como vc é lindo por dentro e por fora,uma pessoa humilde e com muito valor,na minha opinião já tem feito tantas coisas boas para ajudar o próximo,não deves jamais achar-se pequeno...beijinhos e um ótimo ano,recheado de coisas boas...;))

Anónimo disse...

“O nosso grande medo não é de sermos incapazes
O nosso medo mais profundo é de sermos poderosos para além da medida
É a nossa luz, não a nossa escuridão que mais nos assusta
Perguntamo-nos: quem sou eu para ser brilhante, atraente, talentoso, incrível?
Na verdade quem somos nós para não sermos tudo isso?
Somos todos feitos para brilhar, como fazem as crianças
Não está somente em alguns de nós, está em todos.
E quando deixamos a nossa luz brilhar, inconscientemente damos às outras pessoas a permissão para fazerem o mesmo.”
Abr. A82