quarta-feira, outubro 17, 2007

Ai o amor

Ora viva!!

Apetece-me escrever sobre o amor, mas não me apetece, até porque não sei, defini-lo, ou vesti-lo de bonitas palavras, como se fosse para a festa dos conceitos. Também não gosto muito do cor de rosa cetim do amor.

Eu sou um felizardo no Amor, e digo-o à boca cheia. Mas não consigo dizer o que é este sentimento que nos deixa...com a cabeça nas nuvens e nos faz sentir capazes de vencer! Sei que é ter companhia, e não há melhor na vida do que ter com quem partilhar. Amor, é ter a cama quente do cheiro a querer bem, a querer muito bem.

Possivelmente, por ser um sentimento que queremos tanto, é-nos difícil falar dele, e temos sempre vontade de comentá-lo, escreve-lo, descreve-lo, e fica tudo longe do seu significado. Falta sempre qualquer coisa

Por isso, a melhor definição que tenho encontrado para o amor é AMAR.

13 comentários:

Anónimo disse...

desejo-te as maiores felicidades, quer-te bem e feliz... Um xi enorme para o meu bom AMIGO, Abílio

Anónimo disse...

Olá Hélder. Por mais que tentemos escrever sobre o amor ou defini-lo isso vai ser sempre muito limitado, porque o Amor é muito mais que qualquer definição ou descrição que possamos fazer. É impossível de definir, simplesmente se sente...
Para mim a verdadeira realidade localiza-se no nosso coração,está contida dentro de nós, e por isso muitas pessoas vivem uma vida tão irreal,considerando que as imagens externas são a realidade e não permitem que o seu mundo interno faça valer os seus direitos.
É preciso que o Homem entenda, de uma vez por todas que o Amor é o segredo de tudo e para tudo e que é através do nosso coração que temos acesso à verdade. Essa sim é a nossa verdadeira realidade. Nada é tão forte como o verdadeiro amor, aquele que é indestrutível e que não se esqueçe, não se apaga, não se altera e não acaba nunca.
Desejo-te do fundo do meu coração que sejas sempre muito feliz no amor (e não só). Um beijinho.
"Amem e serão amados. O amor é matematicamente exacto,tanto quanto os dois lados de uma equação algébrica." Ralph Waldo Emerson

Patrícia disse...

Na minha modesta opinião, o amor só é difícil de definir ou descrever para quem não ama ou não está apaixonado. Concordo com os que dizem que não existe UMA definição; e não existe porque o amor só é real quando se sente e não quando se pensa estrategicamente nele. Sendo assim, cada indivíduo que esteja a viajar nas nuvens, a transbordar de felicidade ou ruído de ansiedade, saberá descrever o que é este sentimento. Ninguém sente da mesma forma e portanto não poderá descrever um estado espiritual da mesma maneira porque cada um é cada qual.
Para mim, o amor é doação de vida, o querer, acima de tudo, o bem estar do outro; é o companheirismo, a partilha, a confiança total. A felicidade é atingida em pequenos momentos e com os ingredientes supra ciatdos, penso estarmos muito perto de a alcançar.
Desejo tudo de bom a todos os enamorados porque como diz o ditado: Que Deus me dê em dobro o que desejo aos outros (mais coisa, menos coisa...) :)
Beijos e até sempre

Anónimo disse...

QUERER-TE
Quando me falas e te leio
Encosto-me ao teu ombro
E os teus olhos
Mesmo que não os veja
São doces e ternos
E as tuas mãos
Acariciam-me doce e suavemente
E a calma que espero
Momento certo
O do nosso encontro
Sei-o agora
À distância do tempo
Assim tinha que ser
Assim o quis
Assim te amo.

Anónimo disse...

Já alguma vez amaram e não foram correspondidos?
Também há esse lado menos feliz do amor...
É um sentimento com uma dôr imensa, inexplicável na linguagem humana...Muito triste...Espero nunca passarem por isso...

Anónimo disse...

Às vezes é difícil identificar os sentimentos e as emoções e não sabemos lidar com essas emoções e esses sentimentos.Aprendemos a camuflar e a ignorar as emoções e os sentimentos...Mas a vida também nos ensina a lidar com estas emoções e estes sentimentos.
No amor os riscos correm-se, porque não existe amor sem risco.Todo o amor é um risco amoroso.
Desejar é respeitar. O desejo é o respeito pelo outro.Desejar é o respeito pelo desejo do outro, e só aí se constroem dois desejos.
Se duas pessoas se desejam,isso é respeito...Se o amor não é respeito, não é nada...
Carla M.

Just me disse...

"...é ter companhia, e não há melhor na vida do que ter com quem partilhar. Amor, é ter a cama quente do cheiro a querer bem..."

Que bela descrição, faz algum tempo que não tenho essa sensação.
Que pena!

1 abraço e felicidades para ti

awake disse...

e como é bom as palavras ficarem aquém desse mundo divino e indizível que é Amar...*

Todo o Amor para ti, meu querido.

Inês Leal

violeta disse...

e é tão bom amar... espero nunca me esquecer de como é esse sentimento...

M.P. disse...

Numa noite triste e cansada como esta o meu pensamento foge para ti.
Imagino onde estás nesse sítio frio e estranho, nessa cidade sem gente, nessa terra sem alma.
Tento imaginar-me ao teu lado, a ver o que fazes, a adorar-te ao longe. Desejo que estivesses aqui, fazes-me falta todos os minutos do meu dia, sinto a ausência do teu cheiro na cama, sinto falta das tuas roupas no armário, sinto falta da tua presença na mesa.
Sinto um frio arrepiante a subir-me pelas costas e sinto que estás aí, do outro lado do mundo, numa noite fria e solitária a pensar em mim, desejando estar ao meu lado, desejando sentir o cheiro da minha pele ao teu lado.
Conto os dias que faltam para voltares e parece que cada um é mais longo que o anterior, vejo os dias a morrer sem ti aqui, percorro as ruas nuas sem ti ao meu lado.
Numa noite como esta em que é a melancolia e a tristeza que mandam em mim, choro com facilidade ao recordar-me dos dias que eram só nossos, ao lembrar-me dos carinhos que guardamos nas nossas memórias, ao lembrar os momentos sozinhos em que nos completávamos.
Lamento não te ter dito mais vezes o quanto és importante para mim, o quanto te amo e o quanto me farias falta se fosses embora.
Tenho vontade de roubar a roda do tempo por um momento, voltar àqueles dias maravilhosos em que éramos tão felizes e permanecer ali, como um espectador atento, ao tempo em que nos amávamos sem limites, sem nada, sem ninguém. Apetece-me estar ao teu lado a ver moveres-te e roçar-te ao de levezinho os dedos na face, sentir o teu suave aroma, perder-me nos teus braços uma vez mais…

M.P.

Anónimo disse...

Esta mensagem de amor é simplesmente linda.
Não há dúvida que quem quer que sejas M.P o amor mora no teu coração...Eu sei exactamente o que é sentir o que sentes...
Há muito pouca gente que sabe o que é o verdadeiro significado da palavra amor...
Carla M.

kristal disse...

Olá Helder
Espero que esteja tudo bem contigo...Eu to muito emocionada pois finalmente direi-te algumas "coisinhas"!!!
Bem, eu ando meio desiludida no que diz respeito ao amor...
O amor entre os homens está em vias de extinção...amamos cada vez menos o nosso próximo!!!!
Receba super beijinhos, desta que tanto te admira.Saiba que não peco a Praça da Alegria por nada!!!!
Moçambique/Maputo

Lálá disse...

Só fui feliz no amor 1 vez na minha vida - de 2005 a 2009/2010. Amei de verdade essa pessoa, dei-lhe demais...dei-lhe amor, carinho, atenção e dedicação...e muitas mais outras coisas. Talvez por isso é que ele me tenha pedido em casamento, ao fim de 4 anos de namoro e no fim de semana a seguir a esse pedido tivesse acabado comigo! Talvez lhe tenha dado tanto de mim, que o sufoquei...! Mas ele dizia que me amava, e que eu era a mulher da vida dele, que não havia igual a mim, que eu era a melhor...! E acaba depois de me pedir em casamento...?! Estranho não é? Até aí foi só amores não correspondidos, e sofrimento. De há dois anos para cá, não voltei a amar e mais...tranquei o meu coração que ainda não se concertou...fechei-o a sete chaves...numa masmorra de um castelo ( o meu interior)...o pior é que...perdi as chaves...upppsss...não sei onde! :) Se alguém as encontrar...vai ter muito trabalho para abrir tanta fechadura ;) :) se é que alguma vez alguém vai encontrar as chaves :) Bjnhs Lara Rocha.